Brasil e Colômbia Anunciam Acordo no Setor Automotivo

Brasil e Colômbia anunciaram recentemente o fechamento de um acordo que tem como principal objetivo aumentar os investimentos entre as duas nações em diversos setores, inclusive no setor automotivo. A ideia basicamente do acordo é ajudar a reduzir a desaceleração da economia que está sendo vivida pelos dois países.

Uma das principais medidas que serão tomadas entre os dois países no segmento automotivo será de zerar o imposto para veículos de passeio e comerciais leves, seguindo um sistema de cotas progressivas que vai aumentando ano após ano. De acordo com as informações que foram divulgadas pelo governo do Brasil, no primeiro ano as condições serão válidas para cotas de 12 unidades de carros.

No segundo ano, o número iria aumentar para 25 mil unidades de veículos, e a partir do terceiro ano seriam 50 mil unidades.

Além disso, os dois governos também firmaram um acordo para seguir com as negociações no próximo ano, sendo que em 2016 a ideia seria zerar as alíquotas de caminhões e ônibus. “O memorando de entendimento sobre o setor automotivo que foi assinado vai desenvolver a indústria automobilística e os setores associados”, disse Dilma em discurso, sem fornecer detalhes do acordo.

Segundo os envolvidos no projeto, os pontos do projeto vão permitir que exista um aumento considerável nas exportações entre ambos os países no segmento automotivo. Além de aumentar as movimentações financeiras e alavancar a arrecadação de impostos com as vendas dos produtos dentro de cada país, o projeto também quer gerar mais empregos e também aumentar o chamado intercâmbio comercial.

Durante o encontro entre o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, e a presidente Dilma Rousseff, os dois países se comprometeram a desenvolver políticas para proteger os investimentos feitos de ambos os lados, ao mesmo tempo que assinaram termos de cooperação nas áreas de educação, agricultura, dentre outros.