O Mercado Automotivo Brasileiro Nos Próximos Anos

No Brasil recentemente surgiu uma grande invasão dos SUVs compactos e crossovers de mercado, são três modelos novos lançados mensalmente para se ter ideia, e tudo isto gera um impacto diferenciado em outros segmentos. Em toda a realidade, acrescentando outros dois modelos nacionais, dentre eles podemos citar o Ford EcoSport, o Renault Duster, entre outros modelos, além dos chineses que terão algumas mudanças diferenciadas.

Agora veja o que podemos esperar do Brasil no mercado automotivo nos próximos anos, começando por 2016

Na Land Rover

A Land Rover vem trabalhando em extremo sigilo para oferecer diversas facilidades aos usuários, e guarda uma grande surpresa para o começo de 2016, neste ano a marca irá inaugurar uma fábrica nova em Itatiaia no interior do estado do Rio de Janeiro. De acordo com informações já adiantadas, o primeiro modelo que deverá entrar em produção é o Range Rover Evoque, este que é atualmente o modelo mais vendido da marca no Brasil e também no mundo. Muitos meses depois, temos a bola da vez que é o Discovery Sport. As vendas começam em breve e o modelo vem importado da Inglaterra.

Na Anfavea

Saiba que a marca assumiu que pelas condições atuais diferenciadas de economia, os números de produção, com um impacto diferenciado e direto sobre os empregos, bem como as vendas e exportações de 2015 e 2016 serão bem piores do que o previsto. Para se ter ideia teremos uma queda no mercado pela baixa venda de veículos em torno de 10 a 13% respectivamente para os dois primeiros indicadores. Resta apenas um dado positivo, algo em torno de 1,1% das exportações.

Os estoques.

Com relação aos estoques totais, tanto das fábricas como das concessionárias, acabaram caindo de 50 dias em fevereiro para 46 dias em março, algo que é ainda 50% do ideal. Existe uma previsão de declínio de 11,5% no seu faturamento nominal dos seus mais de 500 associados. Nas feiras Automec apenas os setores de peças de reposição e de manutenção acabaram confiando na grande frota circulante para cada sopro de otimismo.