Produção de Carros no Brasil Cai 30% de Acordo Com Anfavea

O Brasil está vivendo uma forte crise econômica, que está tendo impacto direto em uma grande quantidade de setores. Um deles foi justamente um dos mais importantes para a economia como um todo, que foi a produção brasileira de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus.

De acordo com as informações que forma divulgadas pela Associação dos Fabricantes de Veículos, Anfavea, a produção acabou caindo 30,1% neste mês de outubro, quando comparado com a produção do mesmo mês do ano passado. Além disso, uma outra pesquisa mostra que 34% dos empregados da indústria automobilística estão com alguma restrição na atividade. Este número acaba representando algo em torno dos 45 mil veículos.

Neste número de empregados que estão com alguma restrição na atividade estão incluídos os cerca de 35.600 funcionários que acabaram tento uma redução de jornada e salário, ao aderirem ao Plano de Proteção em Emprego. Também estão sendo levados em consideração para estes dados aqueles empregados que estão afastados, seja por causa de férias coletivas, licença ou suspenção temporária do contrato.

Os números também são preocupantes quando são analisadas as vagas que foram fechadas nos últimos 12 meses nesta mesma indústria, que chega a 14,3 mil, sendo que no mês passado acabaram sendo fechadas mais 900 vagas. Em outubro de 2014, o setor empregava 147 mil pessoas, mas, no mês passado, o número foi de 132,7 mil, o que representa queda de 9,7%.

A quantidade de carros que estão sendo produzidos reflete diretamente a queda na venda de automóveis. Somente no mês de outubro, a quantidade de licenciamentos caiu 37,4%, quando comparado ao mesmo mês do ano passado. Até agora, no acumulado do ano, a quantidade de veículos licenciados diminui 24,25%, em comparação ao mesmo período do ano de 2014.