Vantagens e Desvantagens do Câmbio Automático

O universo automobilístico cada vez mais incrementa as suas criações e ofertas que, a cada ano, passam a estar disponíveis para um maior público consumidor. Se não é apenas o carro, em modelos novos, são também as tecnologias e recursos que neles, agora não são oferecidos apenas com um opcional, mas em alguns como item obrigatório e que garante mais segurança e conforto ao motorista e passageiros.

 

É o caso do câmbio automático – uma miragem até alguns anos atrás, exclusivo de carros de luxo, e que agora já pode ser encontrado em veículos menos supremos. Quem disse ter experimentado, não quer mais voltar ao câmbio manual, por diversas razões é claro. Entretanto, há vantagens e desvantagens no uso do câmbio automático, como em tudo na vida.

 

A maior vantagem do câmbio automático é que ele elimina um dos maiores obstáculos na dirigibilidade para alguns condutores: não ter que fazer a troca da marcha do veículo manualmente sempre que precisar alternar a velocidade. Isto significa dizer que, o câmbio automático administra por si só a relação câmbio – velocidade, sem que haja a intervenção do condutor.

 

Como o sistema funciona no processo de transmissão com autonomia própria para detectar a relação entre a velocidade e a rotação do motor e decidir pela troca automática da marcha adequada, a troca das marchas é feita automaticamente pelo sistema (e não pelo condutor) e de modo quase imperceptível.

 

Foi o crescimento da classe C no país que estimulou as montadoras a injetarem mais o câmbio automático no mercado automobilístico. E, em termos de escolha, na hora de fazer a compra, a escolha pelo câmbio automático tem sido o mais indicado para quem exige conforto e comodidade, pois não há mudança manual de marcha e tampouco uso de pedal de embreagem.

 

Ele funciona por meio de componentes um pouco distintos do câmbio manual, além de hoje ser um modelo bem mais tecnológico do que o usado até a década passada. Há vantagens em ter um carro com câmbio automático: o sistema de transmissão automática permite maior economia e durabilidade do motor e de todos os componentes da transmissão, não requer a mesma frequência de manutenção que os sistemas mecânicos, dado que seu funcionamento proporciona menor desgaste para as peças, bem como apresentam uma vida útil maior, maior facilidade e conforto para o condutor.

 

Contudo, há problemas que podem ser observados como: o equipamento é caro, gera um acréscimo de mais de R$5 mil no veículo, a manutenção é cara, exige mão de obra específica e especializada, a caixa como é muito grande diminui o desempenho do carro, e qualquer falha no câmbio pode gerar até 40% de perda na hora da revenda do carro.